Steve Jobs morreu. Saiba mais sobre o fundador da Apple

Em 5 de outubro de 2011, o mundo da tecnologia e da inovação ficou mais triste: aos 56 anos, na Califórnia, Steve Jobs morre depois de uma longa batalha contra o câncer no pâncreas após a sua renúncia ao cargo de CEO da Apple há pouco mais de um mês. O Emediata presta, aqui, a sua homenagem ao homem que reinventou a maneira que nos comunicamos com o mundo.

A TRAJETÓRIA DE STEVE JOBS

Filho de uma jovem mãe solteira de San Francisco, Steve foi oferecido à adoção para um casal que, logo em seguida, desistiu de ficar com Jobs por preferir uma menina. Por exigência da mãe biológica, Steve deveria ter pais adotivos que tivessem o ensino superior completo. Paul e Clara Hagopian Jobs, o segundo casal que pediu e conseguiu a adoção de Steve, quase o perdeu por terem mentido sobre sua escolaridade.

Para continuarem como pais adotivos de Jobs, Paul e Clara se comprometeram a pagar uma faculdade em sua vida adulta. Então, com 17 anos, Steve Jobs entrou na Reed College, desistindo de completar sua formação 18 meses depois. Jobs conta sobre a sua trajetória no discurso que ele fez aos alunos de Stanford:

.
Em 1976, aos 20 anos e com o dinheiro de investidores, Steve Jobs fundou juntamente com o amigo Steve Wozniak o que seria anos depois a empresa mais valiosa do mundo, a Apple. Utilizando como logo a maçã mordida, representando o símbolo
bíblico do fruto da árvore da sabedoria, Jobs foi conquistando o seu espaço no  Vale do Silício. Em 1984, surgiu o Macintosh, o primeiro computador com interface gráfica e mouse. Mesmo com o sucesso na época, a Apple ainda não havia se tornado referência no ramo de computadores. Ainda.
Steve Jobs nunca deixou de alinhar a funcionalidade ao design e à elegância. Por desejar ter o controle sobre a produção, todos os produtos tinham que ser feitos nos Estados Unidos, o que os tornava caros. O homem visionário talvez tenha sido ousado demais para a época e para a sua própria companhia, o que culminou em um golpe interno que o afastou da empresa.

Seu espírito empreendedor não se deixou abater e assim fundou a Pixar, tendo como seu primeiro e um dos seus grandes sucessos o filme de animação Toy Store. Algum tempo depois, a empresa foi comprada pela Disney, onde ele se tornou o maior acionista e conselheiro.

Em 1996, após 11 anos de afastamento e com a Apple à beira da falência, Steve Jobs retorna à empresa. Desde então, a tecnologia e a comunicação não foram mais as mesmas. Depois do lançamento de produtos inovadores como o iPod, o iPhone e o iPad, a Apple se recuperou da crise de maneira rápida, conquistando mercado até se tornar este ano a empresa de maior valor de mercado dos Estados Unidos.

Em 2004, veio a notícia: Steve Jobs foi diagnosticado com um tipo raro de câncer no pâncreas. No mesmo ano, realizou uma cirurgia e em 2009, fez um transplante de fígado. Steve contou com o apoio da esposa, Laurenne, dos seus 4 filhos e com os inúmeros fãs do homem que virou ao avesso o mundo da alta tecnologia. Desde então, a luta de Jobs era visível a cada dia.

Veja abaixo, e na íntegra, a nota divulgada pela família Jobs.

“Em sua vida pública, Steve ficou conhecido como um visionário; em sua vida privada, ele amou sua família. Somos gratos às muitas pessoas que compartilharam seus desejos e orações durante o último ano da doença de Steve; um website será lançado para aqueles que quiserem oferecer tributos e lembranças.

Somos gratos pelo apoio e pela bondade daqueles que compartilharam nossos sentimentos por Steve. Sabemos que muitos de vocês vão chorar conosco, e pedimos a vocês que respeitem nossa privacidade durante nosso período de luto”.

.

OS KEYNOTES DE STEVE JOBS

Já considerado como o melhor CEO da história, Jobs marcou gerações com seus keynotes e praticamente inventou uma maneira de apresentar novidades que será difícil de ser mantida pela Apple.

Veja, abaixo, o primeiro Keynote de Jobs de 1997, após seu retorno à Apple:

.

Já visivelmente abatido, Steve Jobs em seu último Keynote, onde apresentou o iOS5 e Lion na conferência WWDC, em Junho deste ano:

.

HOMENAGENS PELO MUNDO AO FUNDADOR DA APPLE

.

A Apple atualizou a sua página principal com a imagem acima juntamente com a divulgação da nota oficial sobre a morte de Steve Jobs : “A Apple perdeu um gênio criativo e visionário, e o mundo perdeu um maravilhoso ser humano. Aqueles entre nós que foram afortunados o suficiente para trabalhar com Steve perderam um grande amigo e um mentor inspirador. Steve deixa uma companhia que apenas ele poderia ter construído, e seu espírito será sempre o alicerce da Apple”.

Bill Gates declarou-se verdadeiramente triste ao saber da morte de Steve Jobs e disse ao New York Times:  “O mundo raramente conhece capaz de exercer influência tão profunda como a de Steve, cujos efeitos serão sentidos ainda por muitas gerações que virão. Para aqueles que, como nós, tiveram a sorte de trabalhar com ele, foi uma honra insanamente grande. Vou sentir a falta de Steve imensamente”.

Mark Zuckerberg, em sua página pessoal no Facebook, escreveu: “Steve, obrigado por ser um mentor e um amigo. Obrigado por mostrar que as coisas que criamos podem mudar o mundo. Sentirei sua falta”. Rapidamente, o post recebeu mais de 85 mil aprovações pelo botão “curtir”. A conta de Zuckerberg é seguida por mais de 6 milhões de pessoas

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, utilizou o Twitter para lamentar a perda de Jobs: “Descanse em paz, Steve Jobs. De todos nós da #Obama2012, obrigado pelo trabalho que você faz possível todos os dias – inclusive o nosso”

O Google também prestou sua homenagem ao ex-CEO da Apple, ao colocar um link na sua home para a página inicial da Apple:

O FUTURO DA APPLE APÓS A MORTE DE JOBS

Após o primeiro afastamento de Jobs, a Apple sentiu falta de seu eterno CEO. Após o seu retorno, Steve trouxe o sucesso à marca com suas inovações ousadas e seu toque de genialidade. Desde o seu afastamento oficial do comando da Apple, quando assumiu Tim Cook, em meados de 2011, já se discutia os impactos da ausência de Steve Jobs.  O futuro da Apple irá depender do quanto a empresa absorveu do espírito inovador e ousado do empresário juntamente com a sustentação dos usuários e fãs da marca. Independente disso, é fato que Steve Jobs marcou a história do século XXI com a nova era digital, levando alta tecnologia às mãos dos usuários

Com uma calça jeans, uma camiseta preta e um tênis, Steve Jobs conquistou o mundo com seu jeito ousado e inovador, sempre buscando revolucionar a experiência entre o usuário e a tecnologia. Thanks, Steve.

Você tem q descobrir o que você ama. Isso é verdadeiro tanto para o seu trabalho quanto para com as pessoas que você ama. Seu trabalho vai preencher boa parte da sua vida, e a única maneira de ficar realmente satisfeito é fazer o que você acredita ser um ótimo trabalho. E a única maneira de fazer um excelente trabalho é amar o que você faz.  Se você ainda não encontrou o que é, continue procurando. Não sossegue. Assim como todos os assuntos do coração, você saberá quando encontrar. E, como em qualquer outro grande relacionamento, só fica melhor e melhor à medida que os anos passam.Então continue procurando. Não sossegue. (Steve Jobs)

Deixe uma mensagem

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s