Redes Sociais. Humanize-se!

Pessoas conectadas a fim de trocar e gerar conteúdo. Computadores, smartphones e o que mais surgir – não importa o meio, o que interessa é estar em rede. As pessoas, por si só, já participam de redes sociais desde seu nascimento. Sim, a família é a primeira rede social a qual você se conecta. A partir daí, as conexões só aumentam: vizinhança, escola, faculdade, trabalho são só alguns exemplos das redes as quais participamos sem percebermos.

E com a Internet, o que mudou? Bem, o conceito de redes obviamente ainda permanece o mesmo. As pessoas continuam buscando conectarem-se umas às outras através das mais diversas afinidades. A maneira e a velocidade que isso ocorre é que modificaram. Vivemos numa sociedade imediatista, na era onde nada pode demorar mais que um segundo para demonstrar resultado. Constantemente somos alimentados por pílulas das mais diversas informações, às vezes não dando tempo de ingerir todas. É tudo muito rápido, quase instantâneo. Uma mensagem lançada em uma rede social precisa apenas de alguns minutos para tomar proporções mundiais.

Conteúdo colaborativo, compartilhamento de informação, manutenção de contatos, pesquisa profissional. Vivemos o processo de humanização da Internet, onde as fontes de conhecimento são cada usuário da rede. Atravessamos a era da sabedoria das multidões na qual as redes sociais têm vida própria. Temos que dar atenção ao conteúdo que é gerado, e não o meio que ele é transmitido. Nossa era é da valorização do: “o que”, “como”, “quem”, “quando” e “onde”. Para cada pergunta, encontramos pelo menos uma mídia social onde as pessoas podem respondê-las e mostrar suas respostas ao maior número possível de amigos (ou “amigos”) – seja através de textos, fotos ou vídeos.

Dicotomicamente, as conexões diminuem distâncias ao mesmo tempo em que podem criar abismos enormes entre pessoas. Não é raro você conversar com uma pessoa que está ao seu lado pela Internet ao invés de simplesmente virar-se e trocar ideias. As redes podem sim lhe auxiliar a propagar informações numa velocidade e em uma dimensão antes inimagináveis. Mas não deixe as oportunidades de contato humano passar. Lembre-se: as redes são feitas de pessoas. Seja um indivíduo ou uma marca, humanize-se!

Deixe uma mensagem

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s